Como fazer um bom planejamento de Marketing de conteúdo B2B?



Planejar o marketing de conteúdo B2B é fundamental. Ter um plano de conteúdo é o mesmo que a sua empresa demonstrar que se importa com as necessidades do cliente, e que o objetivo principal é ajudá-lo como for possível por meio de soluções respondidas no conteúdo em si.


Ou seja, sem sombra de dúvidas, o conteúdo é uma peça-chave neste planejamento. Basicamente, a produção de conteúdo consiste em gerar materiais relevantes para o seu público, de modo que fortaleça a imagem e a reputação da sua indústria. Os formatos de conteúdo podem ser os mais variados, assim como as plataformas utilizadas para divulgar o que foi produzido para o consumidor.


Etapas do marketing de conteúdo B2B

  1. Pesquisa de Persona

Personas são perfis fictícios que representam o cliente ideal para a sua indústria. Elas servem para ajudar o seu negócio a alcançar seu público em um nível mais segmentado. É muito importante reforçar que a persona não é inventada, mas sim criada. Isso significa que ela é fruto de um trabalho de pesquisa e observação em vez de suposições e achismos.

  1. Pesquisa de Assuntos

A pesquisa de assuntos é parte essencial de um trabalho de planejamento de marketing de conteúdo B2B. Por meio de uma boa pesquisa é possível encontrar referências, dados e informações relevantes para transformar em conteúdos para o seu público. Ou seja, por meio de pesquisas de referências, é possível ter insights valiosos para serem trabalhados dentro de sua marca.


Nesta pesquisa, é importante analisar a concorrência. Esse processo é importante em dois aspectos. Primeiro, por permitir comparar com seus concorrentes a qualidade dos textos que têm produzido, a linguagem que têm explorado e a escolha das imagens – o que leva a pensar em forma de melhorar sempre a qualidade do seu próprio material.

  1. Definição de Tipos de Conteúdo

A conquista entre marca e consumidor se baseia muito no entendimento da empresa sobre seu público. Por isso, é fundamental entender o que o cliente realmente quer saber. Afinal, a produção de conteúdo digital pelas marcas definiu a forma com que acontece a captação de novos clientes e a renovação dos já conquistados.


É preciso entender onde está o seu público e em que ambiente digital ele mais se sente confortável. Com isso é possível explorar corretamente o uso dessa plataforma, que pode ser redes sociais, blog posts, infográficos, vídeos, estudos de caso ou cases de sucesso. Este último exemplo, aliás, é um dos tipos de conteúdos mais interessantes para uma marca mostrar sua importância na relação com os clientes.


Produzir conteúdo é um dos diferenciais mais interessantes para as marcas, principalmente para se tornar essencial para os consumidores. Esse processo acontece em razão da crescente facilidade de acesso à informação.

A partir de um bom conteúdo é possível construir o relacionamento com os potenciais clientes, renovar o interesse de antigos consumidores e, dessa forma, despertar o interesse real de conversão de novas vendas.



3 visualizações0 comentário